sábado, 19 de maio de 2007

CERVEJARIA IJUHY





Conforme o tempo vai passando, a cultura cervejeira nacional, vai mostrando sua nova cara, com novas opções, cerveja para todos os paladares, e em todos os cantos do país, desta vez o oBIERcevando descobriu e falou com o pessoal da Cervejaria Ijuhy.



A cervejaria foi inaugurada oficialmente no dia 1º de Abril de 2006 (parece mentira) mas não é. O fato ocorreu junto com 37º baile beneficente do Rotary Clube Ijuí, nas dependências da SOGI (Sociedade Ginástica Ijuí). Neste evento o chopp pilsen foi apresentado oficialmente ao publico presente.



O projeto para a implantação da Cervejaria Ijuhy começou a ser delineado em 2004, quando um dos idealizadores do projeto, o advogado Dr. Walter Joel de Moura, viajava pelo litoral catarinense e visitou algumas micros locais. O litoralzinho bom esse viu, a partir daí a idéia tomou forma e juntamente com o engenheiro Rogério Kuhn, resolveram encarar essa nova empreitada, um tanto desconhecida para ambos.




Depois disto, foram horas e mais horas de pesquisa de viabilidade, fornecedores de equipamentos e matéria prima, informações técnicas, busca de pessoal qualificado no ramo e possibilidade de financiamento.
O projeto contempla a implantação de quatro módulos de 200Hl/mês. No momento estão com o primeiro modulo implantado e a implantação dos demais deverá ocorrer conforme aumento da demanda.




A chopp Ijuhy quer atingir um mercado que se encontra num raio de até 100Km da cidade de Ijuí e as principais cidades alvos são: Panambi, Cruz Alta, Santo Ângelo, Ajuricaba, Catuipe, Santo Augusto e Augusto Pestana.




Atualmente produzem o chopp tipo Pilsen com teor alcoólico fica em 5,0%, que é comercializado na forma natural (não filtrado) e cristal (filtrado). Durante os meses mais frios do ano colocarão a disposição dos clientes o chopp tipo Malzbier.
O nome do chopp, IJUHY refere-se a grafia antiga da palavra IJUÍ, que é de origem indígena.




E aliás o chopp não contém corante, anti-oxidantes ou qualquer tipo de conservante químico e não utilizam cereais não maltados. Detalhe importante na busca por qualidade. Comercializam o chopp em barris de 10, 20, 30 e 50 litros.

Um comentário:

emerson disse...

Sou de Carazinho,passando por Ijui, percebi uma marca nova em um bar na cidade, experimentei dois, muito bom, e minha intenção é de traze-lo pra cidade...